Como a Deliveroo Excluiu Afiliados de Seu Programa e Quais São as Melhores Práticas para o Mercado Brasileiro

Na última semana, a Deliveroo surpreendeu o mercado europeu (principalmente UK) ao remover um número significativo de publishers de seu programa de afiliados, com um aviso prévio de apenas 30 minutos. A medida, que ocorreu em uma noite de terça-feira, deixou muitos parceiros perplexos e gerou um debate acirrado sobre as práticas e a ética no marketing de afiliados.

Às 22h (GMT), uma fonte recebeu um e-mail da Deliveroo informando sobre uma “pausa na parceria” e solicitando a remoção dos links de rastreamento. Meia hora depois, a mesma fonte foi notificada por uma plataforma que a Deliveroo havia removido completamente os publishers do programa. Esse impacto foi estimado como significativo para uma grande parte dos afiliados da Deliveroo, mas ainda sem confirmação oficial.

A perspectiva dos afiliados

Para os publishers afetados, o problema não foi apenas a perda da parceria, mas a forma abrupta e desrespeitosa com que isso foi conduzido. Um afiliado comentou: “Não é uma boa prática dar um aviso de 30 minutos. O padrão da indústria é de duas semanas a um mês.”

A crítica não se limitou ao tempo exíguo do aviso, mas também à falta de transparência e comunicação. Muitos afiliados dependem de receitas previsíveis e uma interrupção repentina pode causar danos financeiros consideráveis.

A resposta da Deliveroo

Em resposta, a Deliveroo afirmou que a decisão foi estratégica, visando focar em parceiros que melhor se alinhem com seu modelo de negócios e desempenho esperado. No entanto, a empresa reconheceu que alguns parceiros receberam menos aviso do que a política interna de sete dias e prometeu pagar as comissões devidas durante esse período.

A opinião da APMA

Kevin Edwards, fundador da Associação de Marketing de Afiliados e Parceiros (APMA), destacou a importância da transparência e práticas éticas: “O código de conduta da APMA pede que qualquer operador de marketing de afiliados conduza seus negócios com transparência e engajamento justo e ético.”

O contexto brasileiro

No Brasil, onde o marketing de afiliados está em crescimento, é crucial estabelecer práticas que protejam tanto os afiliados quanto as marcas. A confiança mútua é a base de qualquer parceria de sucesso, e isso é construído através de comunicação clara e prazos razoáveis.

Nossa equipe de redatores e especialistas da Programa Afiliados resolveu discutir o tema e chegamos a uma fórmula justa que pudesse trazer segurança operacional para os dois lados da moeda: Afiliados e Advertisers (Marcas). Abaixo compartilhamos essa nossa fórmula:

Melhores práticas para desligamento de afiliados

Aviso Prévio Adequado

A prática ideal, recomendada pelos especialistas, é fornecer um aviso prévio de pelo menos 30 dias. Isso dá aos afiliados tempo suficiente para ajustar suas estratégias e buscar novas parcerias.

Transparência e Comunicação

É essencial que as marcas sejam transparentes sobre os motivos do desligamento. Comunicações claras e detalhadas evitam mal-entendidos e ajudam a manter a reputação da marca intacta.

Análise de Desempenho

Antes de tomar a decisão de desligar um afiliado, deve-se realizar uma análise abrangente de desempenho. Isso inclui verificar a qualidade do tráfego e a taxa de conversão, além de considerar questões de fraude e conformidade.

Pagamento de Comissões Pendentes

Garantir que todas as comissões devidas sejam pagas até a data do desligamento é uma questão de justiça e ética. Isso ajuda a manter uma relação profissional, mesmo após o término da parceria.

Apoio na Transição

Oferecer suporte aos afiliados durante o período de transição pode ser um diferencial importante. Isso pode incluir sugestões de outras oportunidades ou assistência técnica para a remoção dos links de rastreamento.

Considerações finais

O caso da Deliveroo serve como um alerta para o mercado de marketing de afiliados. A forma como uma empresa gerencia suas parcerias de afiliados reflete diretamente em sua reputação e sucesso a longo prazo. No Brasil, onde o mercado está em expansão, adotar práticas transparentes e justas é essencial para construir um ecossistema saudável e sustentável.

Para garantir a longevidade e confiança nas parcerias, tanto afiliados quanto marcas devem se comprometer com a comunicação aberta e o respeito mútuo. O marketing de afiliados é uma ferramenta poderosa, e seu sucesso depende de como as relações são geridas e mantidas.

O incidente com a Deliveroo destaca a necessidade de melhores práticas e padrões na indústria, reforçando a importância de políticas bem definidas e uma abordagem ética em todas as interações comerciais.

Últimas

Nova Atualização do Facebook Ads: Impactos no Marketing de Afiliados

No dinâmico universo do marketing digital, a precisão na...

O Crescente Problema com Sub-redes e Fraude em PPC

A fraude em publicidade digital é uma preocupação crescente...

Amazon vai brigar com Shein, Temu e outras através de uma nova plataforma

A Amazon anunciou recentemente planos para lançar uma nova...

Newsletter

spot_img

Não perca!

Nova Atualização do Facebook Ads: Impactos no Marketing de Afiliados

No dinâmico universo do marketing digital, a precisão na...

O Crescente Problema com Sub-redes e Fraude em PPC

A fraude em publicidade digital é uma preocupação crescente...

Amazon vai brigar com Shein, Temu e outras através de uma nova plataforma

A Amazon anunciou recentemente planos para lançar uma nova...

A Parceria Estratégica entre AliExpress e Magalu: Impactos e Oportunidades para Afiliados Brasileiros

Em um movimento inovador, AliExpress e Magazine Luiza (Magalu)...